betwarrior.bet

Agência Pará
Agência Pará
pa.gov.br
Ferramenta de pesquisa
ÁREA DE GOVERNO
TAGS
REGIÕES
CONTEÚDO
PERÍODO
De
A
EMPREGO E RENDA

No Pará, emprego cresce e desemprego recua em 22,3%, no comparativo com 2021

Estado fechou o 3º trimestre de 2022 com 3,8 milhões de trabalhadores ocupados, conforme estudo do Departamento Intersindical de Estatística

Por Camila Santos (SEASTER)
18/11/2022 13h16

Um novo estudo do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), divulgado, na quinta-feira (17), aponta que, entre julho e setembro deste ano, o Pará contabiliza 3,8 milhões de trabalhadores ocupados, com redução de 22,3%, no total de trabalhadores desocupados em relação ao mesmo período do ano passado. Os dados tomam como base as informações da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (Pnad Contínua) do  Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com foco no total de trabalhadores ocupados e desocupados em todo o Brasil. 

No comparativo entre julho a setembro de 2022 e o 3º trimestre do ano passado, o estudo demonstra um crescimento de quase 8% na ocupação do trabalho (cerca de 271 mil pessoas a mais ocupadas), com 3.800 milhões de pessoas em vagas de emprego em 2022, contra  3.529 milhões de pessoas ocupadas no mesmo período de 2021. 

O estudo divulgado é parte integrante do projeto do Observatório do Trabalho do
Estado do Pará, parceria entre o Dieese e o Governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster).

“A política de geração de empregos foi mantida como prioridade nessa gestão, que mesmo com todas as dificuldades advindas da pandemia, não recuou. Mesmo com a ausência de recursos por parte do governo federal, aqui o governo estadual deu conta e seguiu aquecendo a economia, investindo em abertura de vagas e potencializando a qualificação e os programas de transferência de renda”, pontuou o titular da Seaster, Inocencio Gasparim. 

Os números analisados pela Pnad Contínua do IBGE ainda reforçam uma queda de 22,3% (cerca de 106 mil pessoas a menos) no total de trabalhadores desocupados em todo o Estado, a partir da comparação entre os trimestres de 2022 e 2021.

No 3º trimestre deste ano, a pesquisa reforça que o o quantitativo de trabalhadores na condição de desocupados alcançava 369 mil de pessoas, já no 3º trimestre do ano passado este total era bem maior, alcançando cerca de 475 mil pessoas desocupadas.

“Nós mantemos uma expectativa positiva em relação à empregabilidade no Pará. Com as festas de final de ano, o recebimento do décimo terceiro, a população passa a injetar recursos no comércio, no serviço, o que com certeza, garante a abertura de novas vagas e de novas oportunidades no mercado formal”, concluiu o secretário. 

betwarrior.bet Mapa do site